Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Universe Blast

Universe Blast

Novos Vinhos da Real Companhia Velha

Aproximam-se dias das grandes refeições. Certamente a agenda de Dezembro já está cheia de almoços, jantares e lanches com amigos, família, vizinhos ou desconhecidos... E para acompanhar estas grandes refeições, há novas sugestões da Real Companhia Velha.

 

OS VINHOS DA QUINTA DO SÍBIO

 

Quinta do Síbio Field Blend branco 2015 . DOC Douro || PVP: €15,00

QuintaDoSibioFieldBlendBranco2015_72.jpg

O ‘Quinta do Síbio Field Blend’ invoca a tradição do Douro, onde as Vinhas Velhas apresentam uma invulgar mistura de castas, que dão origem a vinhos de forte carácter e enorme complexidade. Produzido a partir de uma parcela de Vinhas Velhas onde a casta Viosinho é dominante, mas acrescem o Gouveio, o Rabigato e o Fernão Pires. A somar, o Arinto para lhe conferir untuosidade, mineralidade e acidez. Igualmente fermentado e estagiado em inox, por um período de seis meses, estamos perante um clássico branco duriense que demonstra toda a sua juventude e concentração através de uma brilhante e intensa cor citrina. Aromas frutados e florais surgem em grande complexidade com notas vegetais e minerais, típicas da região. Muito equilibrado e repleto de sabores frutados com uma excelente acidez que o torna muito longo e fresco.

 

Quinta do Síbio Ananico branco 2015 . DOC Douro || PVP: €15,00

QuintaDoSibioAnanicoBranco2015_72.jpg

 

O Ananico é o nome da parcela de onde tem origem este invulgar branco, estagiado 100% em inox. Diferenciando-se dos tradicionais brancos do planalto de Alijó, apresenta grande intensidade aromática, que encanta pelo seu perfilrepleto de notas frutadas e florais, com imensa frescura e complexidade. Na prova, mostra-se seco e mineral, no entanto, muito frutado e com excelente acidez. Um vinho com grande versatilidade gastronómica e excelente potencial de guarda. Este original lote, que também integrou a linha ‘RCV Séries’, representa todo o trabalho criativo na criação de mais um grande branco do Douro.

 

Quinta do Síbio Samarrinho branco 2015 . DOC Douro || PVP: €17,00

QuintaDoSibioSamarrinhoBranco2015_72.jpg

 

A plantação e o monovarietal de Samarrinho foi um dos grandes exemplos de inovação e experimentação na Real Companhia Velha: a colheita de 2013 dava origem ao primeiro vinho, feito no mundo, com esta casta. Passada a fase experimental – que integrou a linha ‘RCV Séries’ –, o ‘Quinta do Síbio Samarrinho’ materializa a consagração desta nobre casta, que tem uma intensidade aromática e um carácter floral absolutamente invulgares no Douro. As uvas são prensadas em modo pneumático, seguindo-se a fermentação em cubas de inox com controle de temperatura. O estágio, também em inox, tem a duração de seis meses. O resultado é um grande e fresquíssimo branco, que apresenta ligeiras nuances minerais, seguidas de encantadoras notas de fruta branca. Muito harmonioso, é simultaneamente intenso e delicado. No palato, evidencia boa mineralidade e um frescor suportado por uma acidez bastante viva. Com corpo médio e um final de prova volumoso, a evidenciar características bem peculiares.

 

Síbio tinto 2014 (edição numerada) . DOC Douro || PVP: €50,00

SibioTinto2014_72.jpg

 De produção biológica, o ‘Síbio tinto’ resulta de um extenso trabalho de viticultura de precisão aliado a uma enologia de excelência, onde o terroir se expressa no seu estado mais puro e natural. Com Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Francisca e Sousão, originárias de parcelas selecionadas, este topo de gama oferece a potência característica do Vale do Roncão associada à inovadora vertente biológica (desde 2013 na produção de uva, mas reflectida na nomenclatura de vinho biológico a partir da colheita de 2016). Um poderoso, mas elegante DOC Douro, cuja fermentação é feita 50:50 em lagares de granito e de inox com controlo de temperatura e o estágio, de 12 meses, em barricas novas de carvalho francês. Com uma cor intensa e profunda, reflexo da juventude e estrutura, é um tinto que impressiona à primeira vista. Bastante aromático, com notas de fruta madura e generosa, demonstra complexidade e riqueza. Denso e encorpado, tem os taninos bem presentes, mas suavizados por uma doçura proveniente da fruta. Um memorável vinho, que pode ser apreciado desde já, enquanto jovem, mas que promete surpreender ao evoluir muito bem em garrafa. 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.