Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Universe Blast

Universe Blast

Vamos ao Mercado?

Eu sou do tempo em que os mercados eram os "supermercados" onde se faziam as compras do dia. Em criança, fui muitas vezes com a minha mãe ao mercado no sábado de manhã, fazer as compras da semana: os legumes e frutas frescos, o peixe acabado de vir da lota... Mas os tempos mudaram e os mercados começaram a ficar desertos, abandonados.

Por isso achei bastante interessante quando há uns dois anos (se a memória não me falha) o Mercado de Campo de Ourique foi reabilitado, passando a ter uma oferta de restauração, seguiu-se o Mercado da Ribeira, cuja reabilitação foi promovida pela revista Time Out... E agora temos o Mercado de Algés...

mercado algés.JPG

mercado de alges 2.JPG

Agosto, dia de semana, hora de almoço, pouca gente: pensei eu e os meus colegas no trabalho quando decidimos dar um salto até lá... Grande engano!

Cerca de um mês depois de ter sido inaugurado, a zona de restauração do Mercado de Algés estava muito cheio à hora de almoço. Quer no interior, quer na esplanada exterior um dos pontos de diferenciação dos outros mercados. A esplanada à volta do Mercado de Algés está acessível a todos os clientes e não está só limitada a alguns restaurantes. Um ponto positivo a favor deste espaço.

O Mercado mantém a zona de venda de produtos frescos, com as bancas renovadas e está separado da zona de restauração. Ou seja a zona de restauração é relativamente pequena e além dos restaurantes em volta ao centro encontram-se as mesas e cadeiras para consumo, o que torna a circulação no local um pouco dificil.

A área de restauranção está dividida em 16 espaços diferentes: 10 restaurantes, 2 gelatarias, 2 bares, 1 café e 1 pastelaria. Em termos de restauração decidi ir ao Atalho Burger House, pois era o espaço que não tinha fila. O hamburguer em bolo do caco estava bastante bom. No mercado de Algés, existem locais próprios para o pedido das bebidas, e pode ser mesmo pedidas à mesa, nas esplanadas. Como era dia de trabalho não me aventurei por cocktails ou vinho, fiquei por um refrigerante.

Para a sobremesa fomos até ao espaço da Artisani. Já me tinham falado muito desta geladaria, mas ainda nunca tinha provado nenhum gelado. E podia passar os dias comer estes gelados! Por onde começar?!

Pelos sabores mais tradicionais como morango e chocolate belga, maravilhosos! Ou o sabor tropical da manga? Ou o sorbet de limão e mangericão com vodka? Uma verdadeira delícia! A Artisani tem o que designam como "gelados com espírito": um gelado com um pouco de uma bebida espirituosa. Além do sobert de limão e magericão com vodka (fiquei fã, caso não tenham reparado), provamos ainda Chocolate com Vinho do Porto. Muito bom também!

IMG_3518.JPG

Em suma a experiência foi positiva! E nem que seja pelos gelados Artisani tenho que lá voltar novamente.

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.